Dentre as mais variadas fontes proteicas, o ovo é uma das opções mais fáceis de encontrar, preparar para o consumo e das mais baratas. Entretanto, muita gente consome e não sabe ao certo seus benefícios.

 Os ovos são uma fonte excelente da proteína de alta qualidade e indicado para todas as idades, pois fornecem quantidades significativas de diversas vitaminas e minerais. É uma excelente fonte de vitamina B12, A, E, fósforo e zinco. Sua gema contém luteína e zeaxantina, que auxiliam na proteção dos olhos contra a radiação ultravioleta. A colina, encontrada nos ovos, é um nutriente essencial para o cérebro.

Podendo ser preparados como omeletes, frito, cozido, pochet, eles estão ao alcance de todos e é um dos alimentos preferidos por praticantes de atividades físicas e que buscam desenvolvimento muscular. Dois ovos equivalem a um bife, ou a duas fatias de presunto. Para quem busca ainda mais praticidade, existe a albumina, obtida após processo de lavagem, quebra e remoção de casca de ovo de galinha fresco, separado da gema, inspecionado, filtrado, pasteurizado e desidratado, que pode ser facilmente encontrada em lojas de suplementos alimentares ou produtos naturais.

Além de possuir os nove aminoácidos necessários para o processo de anabolismo (aumento de massa muscular), contribui para a regeneração de tecidos musculares, unhas, pele e cabelo (faz crescer cabelos), revitaliza funções orgânicas devido ao seu valor energético, impulsiona o sistema imunológico, produz hormônios e ameniza sintomas de gastrite, azia e má digestão.

Por caracterizar-se como um tipo de proteína de libertação e absorção bastante prolongada pelo organismo, o ideal é que seja ingerida ao acordar, para surtir efeito ao longo do dia ou ao deitar-se, para ser liberada ao longo da noite e agir na reconstrução muscular, proporcionando, desta forma, o anabolismo (crescimento muscular).

Apenas deve-se ter cautela no consumo de um tipo de ovo: o cru. Estes são muito perigosos pelo fato de possivelçmente estarem contaminados com microorganismos que causam a intoxicação por salmonelas. Cozinhar ou fritaros ovos antes do consumo provoca a destruição das bactérias, evitando o risco de que se contraia esta doença de origem alimentar. Para você desenvolver massa muscular e força, não há necessidade de comê-lo crú. Portanto, elimine esta hipótese completamente.

Dica para não correr o risco de ser pego de supresa: Para saber se um ovo está estragado, coloque-o num copo com água. Se ele afundar é porque está bom, se ao contrário, ele ficar na superfície, é porque está estragado.

Dica para fritar seu ovo de modo saudável: prefira sempre óleo de canola ou azeite. Umas 4 gotas são suficientes e não há necessidade de encharcar a frigideira de óleo.

Você sabia?

 1kg de clara desidratada (albumina) = 254 claras de ovos

Ovos / calorias
Omelete 1 porção (100g) 170 cal
Ovo de codorna 1 unidade 33 cal
Ovo de galinha cozido 1 unidade 78 cal
Ovo de galinha frito 1 unidade 108 cal
Ovo mexido 1 porção (100g) 195 cal

Retweet this post