Musculação tem sido cada vez mais recomendada para aqueles que desejam mudar seus hábitos, assumindo um estilo de vida mais saudável. Isso inclui os que pretendem, além de ganhar massa muscular, perder aquela gordura indesejável e conquistar um corpo mais bonito.

Se a sua intenção é emagrecer e sobretudo manter o peso mais baixo na balança, saiba que apesar de os exercícios aeróbios apresentarem reconhecidamente ótimos resultados em associação à mudanças nos hábitos alimentares, a musculação também devem ser colocados nesse “pacote” anti-gordura.

É importante nesse momento deixar de lado o mito que  musculação pode atrapalhar a perda de peso, porque definitivamente não é verdade. Quando se quer emagrecer com a pratica de  atividades físicas, a primeira coisa a saber é em relação ao principal objetivo e apartir daí, buscar gastar o máximo possível de calorias.
Isso porque, quando se reduz a quantidade de calorias ingeridas, a tendência é que o nosso organismo tente compensar a perda de gordura reduzindo  a velocidade do metabolismo (gasto de calorias para mantê-lo funcionando).

É nesse momento que a combinação adequada de exercícios fará total diferença. Aumentando-se o gasto calórico, esta  redução do metabolismo terá menos impacto para que você “ache o que perdeu” no que diz respeito aos quilos reduzidos. Os exercícios aeróbios, além de favorecerem maior perda calórica, também contribuirão para que o organismo gaste mais gordura em qualquer situação. Onde entra então a musculação? Principalmente como atividade aliada na reduão das gorduras indesejadas, de forma que vá além daquela eliminada durante a sessão de exercícios mais convencionais (como bike, esteira etc).

Além desta queima de calorias, a musculação auxiliará na preservação da massa muscular, que é perdida quando alguém faz somente dieta e deve, portanto, ser associada aos exercícios aeróbios em um programa de emagrecimento. Por falar em preservação da massa muscular, a musculação oferece também resultados estéticos diferenciados para todos que  objetivam não apenas emagrecer, mas também modelar o corpo. Quando exercícios de musculação são prescritos em um programa de emagrecimento, a perda de gordura em regiões como quadril, glúteos e abdômen, associada à tonificação da musculatura, rapidamente produz uma aparência mais enxuta e mais firme, facilmente notada, elevando a auto-estima e ajudando a manter o entusiasmo.

Mas, talvez a grande contribuição dos exercícios de musculação para o emagrecimento consista nos ganhos de massa e  força muscular, favorecendo significativamente o aumento da capacidade de realizar qualquer exercício em sua rotina diária. O principal reflexo disso? Sem perceber naturalmente estará com melhor condição física para subir escadas, andar mais a pé, praticar esportes, dentre outras tarefas que até então não sentia-se apto ou em condições de executá-las.

Então, se a idéia é emagrecer, inclua os exercícios de musculação em seu programa de emagrecimento que os resultados certamente serão os melhores.

Bom treino!

Retweet this post