Os estudos envolvendo musculação têm demonstrado que esta modalidade de exercício melhora diversas patologias como diabetes, hipertensão, osteoporose, obesidade, além de contribuir para a qualidade de vida por meio do aumento da força muscular, flexibilidade e diminuição da ocorrência de lesões.

Os efeitos da musculação em modalidades esportivas que envolvam força e potência muscular já são bem divulgados, como levantamento olímpico, corridas curtas de alta intensidade, entre outras. O que muitos não sabem é que a musculação também pode melhorar a performance em modalidades aeróbias, como em corridas de rua, em especial corridas com 5 e 10 Km. Essa melhora ocorre devido a uma melhora na economia de movimento, ocasionado pelo incremento do limiar anaeróbio (ponto entre remoção e produção de lactato), tendo como conseqüência uma maior resistência à fadiga.

Porém, é interessante frisar que a musculação parece não contribuir para melhora no Vo2Max (quantidade máxima de oxigênio que o sistema cardiovascular pode transportar para os músculos).  O importante é que essa maior resistência a fadiga é fundamental para o desempenho em provas de corridas de 5 e 10 Km. Portanto, podemos concluir que a musculação cumpre um papel  importânte na preparação física dos que almejam melhorias na performance .

Retweet this post